publicidade
09 de novembro de 2013 • 11h15 • atualizado às 12h52

Tufão nas Filipinas mata mais de mil pessoas, estima Cruz Vermelha

 

A Cruz Vermelha das Filipinas estima que mais de mil pessoas morreram na cidade de Tacloban, região mais abalada por um dos mais fortes tufões que atingiram o país. Na província vizinha de Samar, a estimativa é de que mais 200 pessoas tenham perdido a vida por causa do desastre natural.

Veja resgate de vtimas de tufo nas FilipinasClique no link para iniciar o vídeo
Veja resgate de vtimas de tufo nas Filipinas

A secretária-geral da Cruz Vermelha das Filipinas, Gwendolyn Pang, disse que os números vieram de relatos preliminares de equipes da Cruz Vermelha em Tacloban e Samar, entre as áreas mais devastadas atingidas pelo tufão Haiyan na sexta-feira.

"Estima-se que mais de mil corpos foram vistos flutuando em Tacloban como reportado por nossas equipes da Cruz Vermelha", ela disse à Reuters. "Em Samar, foram cerca de 200 mortos. A validação está a caminho". Ela disse que esperava que um número mais exato viesse depois que uma contagem mais precisa de corpos em solo nestas regiões.

 

<a data-cke-saved-href="http://www.terra.com.br/noticias/infograficos/furacoes/" href="http://www.terra.com.br/noticias/infograficos/furacoes/">Furacões mais devastadores desde 2000</a>
Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.