0

Terremoto atinge sudoeste da China, diz serviço dos EUA

8 mar 2012
23h44
atualizado em 9/3/2012 às 01h46

Um forte terremoto com magnitude inicial de 5,8 atingiu a região de Xinjiang, no sudoeste da China, na sexta-feira (horário local), informou o Serviço Geológico dos Estados Unidos. O tremor aconteceu a 218 km de Aksu, em Xinjiang, perto da fronteira com o Quirguistão. A profundidade foi medida em cerca de 36 km.

O Centro Nacional de Redes Sismológicas, no entanto, informou que a intensidade do tremor foi de 6 graus na escala Richter. Até o momento não foi informado se houve danos pessoais pelo terremoto, que se produziu no centro do deserto de Taklimakan, uma das zonas com menor densidade populacional na China.

O terremoto foi sentido em zonas povoadas próximas como Aksu, Kashgar, Hotan, Bayan Gol e Ili, pelo que podem ter ocorrido danos materiais.

Com informações das agências Reuters e EFE

Hiromi Sato segura seu filho, Haruse, que completa 1 ano junto com o maior terremoto da história do Japão, no domingo. O pai do menino, Kenji Sato, havia tirado folga para ver o filho nascer. Mais tarde, ele descobriu que o local onde trabalhava foi destruído. A casa da família, em Minamisanriku, não foi atingida pelo tsunami porque fica localizada sobre uma colina. "Ele nasceu para nos salvar", disse a avó, Kazuko.
Hiromi Sato segura seu filho, Haruse, que completa 1 ano junto com o maior terremoto da história do Japão, no domingo. O pai do menino, Kenji Sato, havia tirado folga para ver o filho nascer. Mais tarde, ele descobriu que o local onde trabalhava foi destruído. A casa da família, em Minamisanriku, não foi atingida pelo tsunami porque fica localizada sobre uma colina. "Ele nasceu para nos salvar", disse a avó, Kazuko.
Foto: Reuters
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade