2 eventos ao vivo

"Mulher-alface" prega vegetarianismo e é presa na Jordânia

25 jul 2010
16h19
atualizado às 16h44

Uma ativista que defende os direitos dos animais causou polêmica durante protesto neste domingo, em Amã, na Jordânia, ao utilizar um "vestido de alface" em campanha contra o consumo de carne. Amina Tariq, integrante da ONG Peta, também vestia um véu islâmico e foi detida pela polícia por três horas ao lado de uma colega. As informações são da agência AFP.

Amina Tariq, integrante da ONG Peta, usou um vestido de alface para protestar contra consumo de carne
Amina Tariq, integrante da ONG Peta, usou um vestido de alface para protestar contra consumo de carne
Foto: AFP

A polícia informou que as mulheres não tinham autorização para realizar a manifestação. Antes, elas chamaram a atenção do público ao mostrar uma placa com a frase "Deixe o vegetarianismo crescer em você".

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade