0

Mergulhadores acham a caixa preta do avião da AirAsia

Equipamento está preso sob os destroços da fuselagem da aeronave

11 jan 2015
11h15
atualizado às 12h23
  • separator
  • 0
  • comentários

Mergulhadores indonésios encontraram neste domingo a caixa preta do avião da AirAsia que caiu no mar matando 162 pessoas em 28 de dezembro, informou o ministério do Transporte.

Equipes de resgate transportam a cauda da aeronave da AirAsia após ela ser resgatada do Mar de Java, em 10 de janeiro
Equipes de resgate transportam a cauda da aeronave da AirAsia após ela ser resgatada do Mar de Java, em 10 de janeiro
Foto: Darren Whiteside / Reuters

Entretanto, as caixas permanecem no fundo do mar porque estão presas sob os destroços da fuselagem do aparelho. Na última sexta-feira, um navio da missão de rastreamento captou uma série de frágeis sinais sonoros intermitentes sob a água e a mais de um quilômetro da cauda do aparelho que se suspeitava pertencer às caixas-pretas.

Cauda do avião da AirAsia retirada do mar na Indonésia

Equipes de resgate retiraram a cauda da aeronave do Mar de Java, no último sábado. Ajudados por um guindaste e bolsas de ar, os oficiais indonésios conseguiram desenterrar os destroços presos no limo marinho.

Até o momento, as equipes de resgate encontraram 48 corpos das 162 pessoas que viajavam a bordo.

O avião da AirAsia que realizava o voo QZ8501 saiu de Surabaia na madrugada de 28 de dezembro e deveria aterrissar horas mais tarde em Cingapura, mas caiu chocou no mar de Java 40 minutos após partir.

O piloto chamou a torre de controle na Indonésia quando sobrevoava o mar de Java e solicitou permissão para virar à esquerda e subir dos 32 mil pés para 38 mil para fugir de uma tempestade.

A torre de controle não conseguiu estabelecer contato minutos depois para autorizar a elevação para 34 mil pés.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade