0

Japão mantém alerta por lançamento de foguete da C. do Norte

9 dez 2012
23h57
atualizado em 10/12/2012 às 01h02

O Japão informou nesta segunda-feira (data local) que mantém a vigilância perante o anunciado lançamento de um foguete por parte da Coreia do Norte, apesar deste fim de semana o regime de Pyongyang ter apontado para um possível atraso da operação, prevista inicialmente para este mês.

O primeiro-ministro do Japão, Yoshihiko Noda, chegou a seus escritórios pouco antes das 7h (horário local, 20h de Brasília), momento em que começava o período de 13 dias durante o qual o país comunista poderia realizar o lançamento de seu foguete Unha-3.

Há duas semanas, a Coreia do Norte anunciou sua intenção de lançar o projétil em algum momento entre os dias 10 e 22 de dezembro, com o suposto objetivo de pôr um satélite em órbita.

O primeiro-ministro japonês insistiu em que o governo se esforçará ao máximo para seguir de perto o plano norte-coreano, ao mesmo tempo em que o titular da Defesa, Satoshi Morimoto, detalhou que o alerta será mantido pelo menos até que se confirme oficialmente que o plano foi adiado, segundo a agência local Kyodo.

EFE   

compartilhe

publicidade