2 eventos ao vivo

Brasil se solidariza com vítimas de tufão nas Filipinas

5 dez 2012
14h46
atualizado às 15h08

O Ministério das Relações Exteriores divulgou neasta quarta nota em solidariedade às vítimas do tufão, que passou pelo Sul das Filipinas, provocando mais de 200 mortes e deixando cerca de 80 mil pessoas sem casa. O tufão atingiu ontem a ilha de Mindanao, no Sul das Filipinas, com rajadas de vento de até 210 km/h, arrancando árvores e destruindo casas e prédios. Também houve enchentes e deslizamentos de terra principalmente nas cidades de New Bataan e Monkayo.

Em comunicado, o governo brasileiro lamenta a tragédia e se solidariza com o povo filipino. 'O Brasil transmite suas condolências e solidariedade aos familiares das vítimas, ao povo e ao Governo das Filipinas', diz a nota.

As informações sobre os impactos causados pelo tufão estão sendo atualizadas pelas autoridades filipinas. Informações preliminares confirmam 274 mortos, mas há um número não calculado de pessoas que continuam desaparecidas.

No país, os ministros do Interior, Mar Roxas, e dos Assuntos Sociais, Corazon Soliman, acompanham as operações de socorro. Segundo eles, famílias inteiras foram mortas e praticamente todas as casas da região de Mindanao foram abaladas. Os ministros relataram também que os corpos estão sendo transportados em caminhões do Exército e colocados em fila sobre lonas para serem identificados por parentes.

Com informações da agência pública de informações de Portugal, Lusa

Agência Brasil Agência Brasil

compartilhe

publicidade