0

Acidente com avião da Embraer mata ao menos 42 na China

24 ago 2010
15h18
atualizado em 27/8/2010 às 11h31

Pelo menos 42 pessoas morreram nesta terça-feira em um acidente aéreo na cidade chinesa de Yichun, na província nordeste de Heilongjiang, confirmaram fontes do governo local à agência oficial Xinhua.

Bombeiros vistoriam os destroços de avião que se acidentou ao sair da pista no aeroporto de Yichun
Bombeiros vistoriam os destroços de avião que se acidentou ao sair da pista no aeroporto de Yichun
Foto: Reuters

O acidente ocorreu às 21h36 locais (10h36 de Brasília), quando o avião fabricado pela Embraer, um ERJ-190 da companhia Henan Airlines com 91 passageiros e cinco tripulantes a bordo, se incendiou durante a aterrissagem.

Foram resgatadas com vida mais de 50 pessoas. Pelo menos três deles estão em estado grave. A agência oficial Xinhua afirmou em alguns comunicados que o avião caiu antes da aterrissagem, enquanto em outras notas assegurou que simplesmente saiu da pista.

As primeiras imagens do acidente mostraram partes da fuselagem partida, envolvidas em chamas, e a mais de 1 km da pista de aterrissagem.

O avião havia decolado pouco antes das 21h local (10h, Brasília) da capital provincial, Harbin. Equipes de resgate, bombeiros e serviços médicos trabalham no local do ocorrido.

O último acidente aéreo de grande magnitude na China aconteceu em novembro de 2004, quando um Bombardier CRJ-200 LR caiu perto de Baotou (norte da China), deixando 55 mortos.

EFE   

compartilhe

publicidade
publicidade