0

Terremoto no Chile é sentido em São Paulo

27 fev 2010
10h24
atualizado às 11h20

O terremoto de 8,8 graus na escala Richter que atingiu o Chile na madrugada deste sábado, causou reflexos em São Paulo. De acordo com a Defesa Civil do município, moradores das regiões da Paulista, Tatuapé, Mooca, Bela Vista e Centro relataram ter sentido tremores em suas residências, entre 3h15 e 4h. Não houve registro de danos ou vítimas.

Moradores caminham em frente a destroços de prédio no centro de Santiago
Moradores caminham em frente a destroços de prédio no centro de Santiago
Foto: AP

Segundo o órgão, os moradores relataram que o tremor teve a duração de poucos segundos e foi de fraca intensidade. A Defesa Civil ainda não possui uma estimativa do número de chamadas.

O corpo de Bombeiros de São Paulo também foi acionado em razão dos tremores. De acordo com a corporação, foram dezenas de chamadas, oriundas, principalmente, da região de Tatuapé, Paulista e Centro.

Após o tremor, equipes da corporação foram acionadas no prédio da Polícia Civil localizado na rua Brigadeiro Tobias - 527, na região central de São Paulo, para realizar vistoria na edificação. Segundo os bombeiros, o edifício não ficou danificado e também não houve registro de vítimas no local.

No Chile, o terremoto deixou pelo menos 78 pessoas mortas, segundo serviços de emergência do país. A presidente Michelle Bachelet declarou "estado de catástrofe" no país. O abalo teve seu epicentro no mar, e atingiu o centro do Chile, a 300 km ao sul da capital Santiago, segundo dados do Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS).

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade