0

Argentina: sobe para 17 nº de mortos por explosão em prédio

11 ago 2013
09h46
atualizado às 12h34
  • separator
  • comentários

Os corpos de três pessoas foram encontrados entre os escombros de um edifício que desabou após um vazamento de gás na terça-feira na cidade argentina de Rosário, 310 km ao norte de Buenos Aires, elevando a 17 os falecidos, informaram as autoridades neste domingo.

As equipes de emergência localizaram entre a noite de sábado e a manhã deste domingo mais três cadáveres, enquanto quatro pessoas permanecem desaparecidas.

"Quando forem cumpridos os passos (de procedimento) será divulgado oficialmente o nome da que seria a vítima fatal número 17", disse o secretário de Saúde de Rosário, Leonardo Caruana, em referência à última das três vítimas encontradas nas últimas horas.

Os trabalhos de resgate prosseguem desde terça-feira, quando uma explosão atingiu severamente um complexo de três torres com 60 apartamentos, uma das quais ficou completamente destruída.

Cerca de 300 socorristas trabalham no local, em pleno centro da cidade, com sondas, fibra ótica e cachorros adestrados, com a esperança de encontrar sobreviventes entre os destroços do complexo onde viviam 238 pessoas.

A explosão também deixou 62 feridos, 13 deles ainda hospitalizados, dois em estado grave.

Um gasista e seu ajudante, que trabalhavam no edifício momentos antes da explosão, foram interrogados pelo juiz responsável pelo caso, Juan Carlos Curto, que liberou o ajudante após seu depoimento.

Rosário é um rico polo agroexportador com 1,1 milhão de habitantes localizado na província de Santa Fé (centro).

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade