0

Satélite detecta nova cratera no complexo vulcânico do Chile

29 jun 2011
20h01
atualizado às 21h49

Uma nova cratera foi detectada no complexo vulcânico Puyehue-Cordón Caulle, no sul do Chile, segundo as imagens divulgadas nesta quarta-feira pelo satélite Spot 4. As fotografias evidenciam que, no último dia 25, já existia uma nova cratera neste maciço vulcânico, situado 950 km ao sul de Santiago, cujas cinzas perturbaram o tráfego aéreo de vários países do Hemisfério Sul nas últimas semanas.

Foto captada em 25 de junho pelo satélite Spot 4 mostra o nascimento da nova cratera no vulcão Puyehue
Foto captada em 25 de junho pelo satélite Spot 4 mostra o nascimento da nova cratera no vulcão Puyehue
Foto: EFE

Os satélites Spot 1 e Spot 4, construídos pela empresa Astrium para a Agência Espacial Francesa, estiveram nas últimas semanas a cargo da monitoração da erupção do vulcão e, particularmente, do movimento das cinzas. O Puyehue-Cordón Caulle, que se estende ao longo de 15 quilômetros entre as regiões chilenas de Los Lagos e Los Ríos, na Cordilheira dos Andes, entrou em erupção no último dia 4 e a coluna de cinzas chegou a alcançar até 12 quilômetros de altura.

EFE   
publicidade