3 eventos ao vivo

Raul Castro lamenta manutenção de bloqueio econômico dos EUA

Em discurso, o presidente de Cuba comemorou relações diplomáticas acertadas

17 dez 2014
15h30
atualizado às 16h26
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
TV cubana mostra o presidente Raúl Castro fazendo um discurso à nação, em 17 de dezembro, em Havana. Castro disse que Cuba tinha concordado em restabelecer relações diplomáticas com os Estados Unidos
TV cubana mostra o presidente Raúl Castro fazendo um discurso à nação, em 17 de dezembro, em Havana. Castro disse que Cuba tinha concordado em restabelecer relações diplomáticas com os Estados Unidos
Foto: CUBANTV / AFP

O presidente cubano, Raul Castro, anunciou nesta quarta-feira que, durante conversa por telefone com o presidente americano, Barack Obama, nesta terça-feira, "acertamos o restabelecimento das relações diplomáticas" com os EUA, mas lamentou que seja mantido o "bloqueio" econômico sobre a ilha.

"Acertamos o restabelecimento das relações diplomáticas. Isto não quer dizer que o principal tenha sido resolvido: o bloqueio econômico", disse Raul, que confirmou, também, a libertação de três agentes cubanos presos nos Estados Unidos, assim como as do funcionário terceirizado do governo americano Alan Gross e de um "espião de origem cubano" a serviço de Washington em Cuba.

O presidente de Cuba também agradeceu o apoio do Vaticano e do papa Francisco na "melhora das relações entre Cuba e Estados Unidos" e ao governo do Canadá por ter facilitado o diálogo de "alto nível" entre os governos dos dois países.

Com informações da EFE e AFP.

Veja também:

Mulheres pró aborto e policiais se enfrentam no México
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade