0

Quinze militares colombianos morreram em emboscada das FARC (Santos)

21 jul 2013
17h19
atualizado às 17h47

Quinze militares colombianos morreram no sábado em uma emboscada das FARC no departamento de Arauca (nordeste), anunciou este domingo o presidente Juan Manuel Santos, que prometeu redobrar a ofensiva contra a guerrilha.

"Nossos corações estão com as famílias dos quinze heróis da pátria que sacrificaram suas vidas em Arauca pela tranquilidade e a segurança de seus compatriotas", disse Santos, que está na região.

Segundo Santos, os militares foram atacados por cerca de 70 guerrilheiros, dos quais doze foram capturados.

Entre os guerrilheiros capturados, cinco estão feridos.

"Esses ataques não são o caminho. Serão enfrentados com contundência", enfatizou o presidente, que desde 2012 realiza um diálogo de paz com as FARC em Cuba, mas sem que houvesse um cessar fogo bilateral na Colômbia.

"Dei instruções a nossas forças para que não deixem de disparar um só instante até o fim do conflito", acrescentou o presidente.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade