1 evento ao vivo

Otan conclui acordo de cooperação com a Colômbia

25 jun 2013
13h04
atualizado às 14h33

A Otan concluiu nesta terça-feira um acordo de cooperação para troca de informações com a Colômbia, em uma nova iniciativa de aproximação da Aliança do Atlântico Norte com os países latino-americanos.

O acordo, assinado durante a visita do ministro da Defesa colombiano, Juan Carlos Pinzon Bueno, à sede da Otan em Bruxelas, "permitirá que Colômbia e Otan examinem a possibilidade de cooperação e de se consultas mútuas em áreas de interesse comum", segundo um comunicado.

As Forças colombianas poderão participar de exercícios realizados pela Otan.

"Como uma aliança democrática, ficamos honrados quando países que compartilham valores comuns se aproximam de nós", declarou o vice-secretário-geral da Otan, Alexander Vershbow.

Pinzon afirmou que o objetivo da Colômbia não é "fazer parte da Otan", mas "aprender com a Otan" e compartilhar experiências, principalmente na luta contra as drogas ou no combate ao terrorismo.

Em maio, o anúncio feito pelo presidente colombiano, Juan Manuel Santos, sobre a perspectiva de uma aproximação com a Aliança, na qual os Estados Unidos têm um papel dominante, provocou fortes reações de vários líderes latino-americanos de esquerda.

A Otan havia indicado na época que a adesão dos colombianos era impossível porque não atendia aos "critérios de adesão" à Aliança, cujo tratado estabelece que a organização "está aberta a países da região do Atlântico Norte".

A Otan, que conta atualmente com 28 países membros, tem desenvolvido parcerias com vários países, alguns tão distantes como Austrália e Mongólia.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade