América Latina

publicidade
07 de dezembro de 2011 • 02h26

Homem bêbado morre após ser atacado por piranhas na Bolívia

 

Um homem bêbado morreu após pular em rio e ser atacado por um cardume de piranhas na última quinta-feira na região nordeste da Bolívia. Segundo o policial Daniel Cayaya, da cidade de Guayaramerin, o rapaz, 18 anos, estava alcoolizado quando pulou de sua canoa na cidade próxima de Rosario del Yata, a cerca de 640 km ao norte da capital La Paz, de acordo com informações da Associated Press.

Cayaya afirmou que o homem sangrou até a morte depois do ataque, que ocorreu na última quinta-feira mas só foi divulgado nessa terça, depois que o incidente foi reportado por uma rádio local. A polícia suspeita de suicídio, uma vez que o rapaz era pescador na região e conhecia bem o rio Yata, tendo ciência que este é infestado de piranhas.

Terra