0

Cristina Kirchner anuncia medidas para afetados pelas chuvas na Argentina

Em cadeia nacional de rádio e televisão, presidente listou ações do governo para ajudar os prejudicados pelos temporais

5 abr 2013
20h42
atualizado às 21h37
  • separator
  • 0
  • comentários

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, anunciou na noite desta sexta-feira uma lista de medidas de ajuda para os afetados pelo temporal que matou 59 pessoas no início desta semana na província de Buenos Aires, principalmente na cidade de La Plata. Entre as medidas, está a abertura de uma linha de crédito para empréstimos de até 50 mil pesos (cerca de 20 mil reais).

Cristina Kirchner anunciou medidas de ajuda em cadeia nacional na noite desta sexta-feira
Cristina Kirchner anunciou medidas de ajuda em cadeia nacional na noite desta sexta-feira
Foto: Casa Rosada / Divulgação

Durante o pronunciamento, a presidente citou dramas pessoais de vizinhos de sua mãe, que mora em um dos bairros mais atingidos pelo temporal em La Plata. Ela também citou o caso de uma das avós da praça de Maio que morreu por causa da enxurrada.

O governo argentino vai duplicar os subsídios dos programas sociais semelhantes ao Bolsa Família por três meses para os atingidos e dará um bônus do equivalente a pouco mais de R$ 1.500 para 70 mil aposentados e pensionistas prejudicados pela chuva. Também oferecerá serviço gratuito para a retirada de documentos.

Cristina terminou o pronunciamento pedindo que a ajuda que o governo disponibiliza “realmente chegue a quem precisa” e se emocionou.

Argentina recusa ajuda do Paraguai
A Argentina recusou uma oferta paraguaia de ajuda humanitária, segundo o governo de Assunção. "As autoridades da nação irmã informaram que os mecanismos de abastecimento e assistência aos desabrigados funcionam corretamente e que, por enquanto, não precisam deste envio", destacou em um comunicado o ministério das Relações Exteriores paraguaio.

"As autoridades argentinas agradeceram profundamente a oferta do governo da república do Paraguai", destacou. Entre as vítimas fatais da tempestade que castigou a Argentina foram identificados vários residentes paraguaios. Estima-se em mais de 5 mil os paraguaios afetados pelas inundações, segundo fontes do Consulado Geral do Paraguai em Buenos Aires.

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade