0

UE estuda possível embargo de armas ao Egito e medidas de pressão

19 ago 2013
11h25
atualizado às 11h37
  • separator
  • comentários

Os países da União Europeia (UE) estudarão um possível embargo de armas ao Egito e uma série de possíveis medidas de pressão para tentar pôr fim à violência e impulsionar o diálogo entre todas as forças políticas neste país, informou nesta segunda-feira o representante europeu para o Mediterrâneo Sul, Bernardino León.

Depois de se reunir com os embaixadores dos vinte e oito membros da UE, León explicou que os países encarregaram a chefe da diplomacia do bloco, Catherine Ashton, de apresentar um documento com as medidas em relação ao Egito.

Qualquer decisão, no entanto, só será definida na reunião extraordinária que os ministros das Relações Exteriores da UE realizarão na quarta-feira.

EFE   
  • separator
  • comentários
publicidade