0

Mandela continua em estado crítico mas estável

1 jul 2013
16h04
atualizado às 16h09

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, que completa 95 anos em 18 de julho, "segue em estado crítico mas estável" no hospital de Pretória, informou nesta segunda-feira a Presidência do país em um comunicado.

"Pedimos que todos os sul-africanos se preparem para o aniversário de Madiba em 18 de julho. Todos devemos fazer uma boa ação pela humanidade em homenagem ao nosso ex-presidente", disse o presidente Jacob Zuma.

Desde 2009, esta data é reservada pela ONU a um apelo mundial pela defesa de seus iguais em homenagem aos valores defendidos por Mandela. As Nações Unidas pedem que cada um dedique 67 minutos de seu dia, representando os 67 anos de seu combate político, a alguém próximo.

O comunicado presidencial não informa detalhes nem explica as razões pelas quais os médicos continuam a considerar que o quadro patológico justifica o seu prognóstico vital, mantido há nove dias.

A estabilidade de Nelson Mandela permitiu ao presidente americano, Barack Obama, concluir nesta segunda-feira uma visita de três dias à África do Sul.

Ele não visitou o herói da luta contra o apartheid, mas visitou vários locais simbólicos, como a prisão de Robben Island, onde Nelson Mandela permaneceu por 18 anos.

A visita de Obama também foi ofuscada por uma disputa familiar.

A família de Nelson Mandela continua a discutir, por meio de seus advogados, a localização das sepulturas de três filhos do ex-presidente sul-africano.

O presidente Zuma também agradeceu a todos que continuam a orar por Mandela.

AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
publicidade