0

Garoto casa com mulher de 61 anos por "ordem" de ancestrais

Criança africana de oito anos se uniu a mulher casada, com cinco filhos e 53 anos mais velha que ele

12 mar 2013
13h04
  • separator
  • comentários

Um estudante de oito anos se casou com uma mulher de 61 anos porque "o fantasma de um ancestral morto" disse-lhe para fazer isso. Sanele Masilela firmou laços matrimoniais com Helen Shabangu, que já é casada e tem cinco filhos. O garoto, natural da África do Sul, afirmou que recebeu a ordem de seus ancestrais e a família, temendo um castigo divino, realizou a cerimônia. Eles pagaram cerca de R$ 1,5 mil à noiva e R$ 3 mil para organizar o grande dia - que foi programado em apenas dois meses. As informações são do Daily Mail.

Casamento foi feito a pedido do garoto e com consentimento da família
Casamento foi feito a pedido do garoto e com consentimento da família
Foto: Reprodução

O pequeno Sanele, o mais novo de cinco irmãos, beijou a noiva em frente a 100 convidados, em um evento que chocou a comunidade, mas foi defendido pela família como um "ritual", sem efeito oficial ou vínculo jurídico. A mãe do garoto, Patience Masilela, afirmou que essa é a primeira vez que isso acontece na família. O casamento teria sido realizado como um desejo do próprio garoto.

"Sanele recebeu o nome de seu avô, que nunca teve uma cerimônia de casamento antes de morrer, então pediu Sanele para se casar. Ele escolheu Helen porque a ama", afirmou a mãe. "Ao fazer isso, deixamos nossos ancestrais felizes. Se não tivéssemos feito o que nosso filho pediu, algo ruim teria acontecido à família."

O garoto e sua noiva não assinaram certidão de casamento e não têm de viver juntos. Ambos voltaram para suas vidas normais. "Eu disse à minha mãe que queria me casar porque realmente queria", Sanele afirmou. Ele concluiu que espera ter um casamento apropriado com uma mulher da mesma idade quando for mais velho.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade