0

Autoridades egípcias apreendem armas de fogo e projéteis

16 ago 2013
08h43
atualizado às 09h20

As autoridades egípcias apreenderam nas últimas horas 69 armas de fogo, 10 granadas e 75 coquetéis molotov durante várias operações no Cairo, informou nesta sexta-feira a agência de notícias estatal "Mena".

Também foram confiscados coletes à prova de bala e 9.794 munições de vários calibres.

Além disso, os soldados detiveram ontem à noite seis homens na praça de Mustafa Mahmoud, onde os islamitas fizeram protestos nos últimos dias, com 90 coquetéis molotov.

Por sua vez, a televisão estatal apontou que as autoridades de segurança detiveram hoje um engenheiro dentro de uma mesquita do bairro de Imbaba com mapas detalhados das delegacias da capital.

O Egito mergulhou em uma espiral de violência desde quarta-feira passada quando a polícia atacou dois acampamentos dos islamitas no Cairo para desmantelá-las.

No dia, pelo menos 578 pessoas morreram e 4.200 ficaram feridas, segundo o governo, que não informou o número de vítimas nos distúrbios de ontem.

Para hoje, os islamitas convocaram novos protestos, enquanto o exército aumentou seus efetivos no centro do Cairo, com previsão de possíveis distúrbios.

EFE   
publicidade