PUBLICIDADE

Loterias da Caixa batem recorde e arrecadam R$ 8,8 bi em 2010

4 mar 2011 16h47
Publicidade

A Caixa Econômica Federal, por intermédio das Loterias Federais, registrou arrecadação R$ 8,8 bilhões em apostas ao longo de 2010. O valor é recorde na história, 19,8% maior que o apurado no ano anterior (R$ 7,3 bilhões) e 51,7% maior que em 2008 (R$ 5,8 bilhões). A expectativa para 2011 é superar a marca dos R$ 10 bilhões.

» Teste a sorte no simulador da Mega-Sena
» Veja quando a loteria acaba na polícia
» Ganhou? Confira dicas de segurança
» Aposte aqui!

"No começo do ano passado, tínhamos uma projeção de crescer algo em torno de 10%. Crescemos quase o dobro disso e chegamos a uma marca histórica", disse o vice-presidente de Fundos de Governo e Loterias da Caixas, Joaquim Lima de Oliveira.

Entre os fatores que propiciaram o crescimento da arrecadação estão as mudanças realizadas em diversos produtos, como a Dupla-Sena, que passou a ter mais faixas de premiação, e a Timemania, que ganhou um segundo sorteio semanal.

Para 2011, na Loteria Instantânea, serão lançados bilhetes que oferecerão como prêmios principais casas, carros e motocicletas. Também haverá o primeiro sorteio da Quina de São João, que deve pagar R$ 60 milhões, recorde para a modalidade.

Assim como acontece na Mega da Virada, na Quina de São João o período de apostas será maior e o prêmio não acumula. Ganha quem acertar a maior quantidade de números, seja 5, 4 ou 3.

Mega-Sena e Mega da Virada
A Mega-Sena foi o carro-chefe das Loterias da Caixa. O valor atingido em 2010 alcançou R$ 4,36 bilhões em vendas. A arrecadação é 26% maior que o valor de 2009 (R$ 3,46 bilhões) e 82% superior ao registrado em 2008 (R$ 2,39 bilhões).

O aumento de quase R$ 1 bilhão nas vendas da Mega-Sena pode ser creditado, em grande parte, à arrecadação da Mega da Virada, que chegou a R$ 472 milhões, com o prêmio recorde de R$ 196 milhões para a faixa principal, que teve quatro ganhadores. Além disso, o recorde de prêmio em sorteios regulares foi batido duas vezes em 2010, com prêmios de R$ 92 e 119 milhões.

Repasses Sociais
Em 2010, as dez modalidades de apostas das Loterias repassaram R$ 3,3 bilhões para o financiamento de ações sociais que envolveram saúde, educação, esporte, segurança, cultura e seguridade, além de R$ 750 milhões a título de imposto de renda sobre os prêmios.

Fonte: Terra
Publicidade