inclusão de arquivo javascript

 
 

Fisiculturismo: aceitação e preconceiro

04 de julho de 2009 08h11


No Foto Rio, o "Fortia Femina - Aceitação e Preconceito" causa polêmica entre os visitantes. O ensaio com fisiculturistas nuas do fotógrafo Andre Arruda apresenta onze fotos das 87 feitas pelo artista, para o livro que será lançado em breve.

"Fortia Femina" é uma investigação sobre o corpo hipermuscular feminino. O fisiculturismo é o único esporte em que o corpo atinge a hipertrofia por trabalho pela pura intenção da imagem, não como resultado para atingir uma meta, como no atletismo por exemplo.

Entre os principais fisiculturistas da história estão Arnold Schwarzenegger, atual governador da Califórnia, Mike Mentzer, Lou Ferrigno , Lee Haney, Adan Taylor, Dorian Yatese Ronnie Coleman. A International Federation of Bodybuilding (IFBB) organiza o principal campeonato mundial, o Mr. Olympia.

O esporte era inicialmente praticado por homens e oficialmente homologado em 1940. Somente no fim dos anos 1970 as mulheres começaram a modificar o corpo no extremo da musculação. Como resultado também do crescente papel feminino no ocidente.

A atleta deste esporte enfrenta dois grandes juízes: o espelho, seu maior medidor de desempenho, e o preconceito da sociedade, que não as vê como mulheres, historicamente associadas aos conceitos de fragilidade e docilidade.

Serviço:
Fortia Femina - Aceitação e Preconceito

Fotografias de Andre Arruda
23 de Junho a 2 de Agosto
de terça a domingo, das 12h às 19h
Centro Cultural Justiça Federal
Av. Rio Branco, 241 - 2º andar/ Centro

Terra Magazine