inclusão de arquivo javascript

 
 

Mulheres Apaixonadas foi vitrine de "novas caras"

Paula Picarelli e Aline Moraes viveram as lésbicas Rafaela e Clara em  Mulheres Apaixonadas. Foto: TV Globo/Divulgação

Paula Picarelli e Aline Moraes viveram as lésbicas Rafaela e Clara em Mulheres Apaixonadas
Foto: TV Globo/Divulgação

Se teve uma produção na TV em 2003 que exibiu novas caras aos telespectadores, ela foi Mulheres Apaixonadas. Escrita por Manoel Carlos, a novela atingiu altos índices de audiência e exibiu muitos novos talentos. Um dos maiores destaques da trama é nova também na idade: Bruna Marquezine, de 8 anos, que viveu a Salete, estreou na telinha logo no horário nobre deixando muito marmanjo para trás no quesito talento (especialmente para chorar em cena!).

Como se não bastasse ter revelado Bruna Marquezine para o Brasil, Mulheres Apaixonadas exibiu pela primeira vez na TV os rostos de Paula Picarelli (Rafaela), Carol Castro (Gracinha), Pedro Furtado (Fred), Pitty Webo (Marcinha), Rafael Calomeni (Expedito), Vanessa Gerbelli (Fernanda), entre outros. A atriz mineira Manoelita Lustosa, que se dedicava a comerciais e teatro, também mostrou a cara pela primeira vez em rede nacional na trama de Manoel Carlos, como Inês, a avó malvada de Salete.

Logo no começo de 2003, um rosto expressivo, com enormes olhos azuis, tomou conta da tela da Globo. Era Camila Morgado, que depois de trabalhar dez anos no teatro com Gerald Thomas, dava seus primeiros passos na televisão, vivendo a romântica Manoela, na minissérie A Casa das Sete Mulheres. A série marcou também o primeiro trabalho televisivo de Amanda Lee, que se destacou como a sedutora Luzia, e do ator gaúcho Werner Schünemann, veterano no cinema.

Quem também se arriscou na TV em 2003 foi Preta Gil. A filha de Gilberto Gil, que também deu início à carreira de cantora, estreou em Agora é Que São Elas, novelas das 18h na Globo, contracenando com Joana Fomm e Thiago Fragoso.

Redação Terra
  1. Vanessa Gerbelli viveu a ex-garota de programa Fernanda em Mulheres Apaixonadas  Foto: TV Globo/Divulgação

    Vanessa Gerbelli viveu a ex-garota de programa Fernanda em Mulheres Apaixonadas

    Foto: TV Globo/Divulgação

  2. Em Mulheres Apaixonadas, Tony Ramos contracenou com as revelações Bruna Marquezine, ao centro, e Vanessa Gerbelli  Foto: Divulgação

    Em Mulheres Apaixonadas, Tony Ramos contracenou com as revelações Bruna Marquezine, ao centro, e Vanessa Gerbelli

    Foto: Divulgação

  3. Em Mulheres Apaixonadas, as personagens de Aline Moraes e Paula Picarelli driblaram o preconceito para viver um romance  Foto: Divulgação

    Em Mulheres Apaixonadas, as personagens de Aline Moraes e Paula Picarelli driblaram o preconceito para viver um romance

    Foto: Divulgação

  4. A relação de Rafaela (Paula Picarelli) e Clara (Aline Moraes) provocou ira em Mulheres Apaixonadas. Fora da tela, as lésbicas tiveram a aprovação do público  Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

    A relação de Rafaela (Paula Picarelli) e Clara (Aline Moraes) provocou ira em Mulheres Apaixonadas. Fora da tela, as lésbicas tiveram a aprovação do público

    Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

  5. O ator italiano Nicola Siri viveu Padre Pedro em Mulheres Apaixonadas. O sacerdote se apaixonou pela personagem de Lavínia Vlasak e acabou largando a batina  Foto: João Miguel Júnior/Globo/Divulgação

    O ator italiano Nicola Siri viveu Padre Pedro em Mulheres Apaixonadas. O sacerdote se apaixonou pela personagem de Lavínia Vlasak e acabou largando a batina

    Foto: João Miguel Júnior/Globo/Divulgação

  6. Ana Roberta Gualda vive seu primeiro grande papel na tevê como a invejosa Paulinha de Mulheres Apaixonadas  Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

    Ana Roberta Gualda vive seu primeiro grande papel na tevê como a invejosa Paulinha de Mulheres Apaixonadas

    Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

  7. Outra revelação da novela Mulheres Apaixonadas foi a atriz Giselle Policarpo, que viveu a adolescente Elisa  Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

    Outra revelação da novela Mulheres Apaixonadas foi a atriz Giselle Policarpo, que viveu a adolescente Elisa

    Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

  8. Em Mulheres Apaixonadas, a veterana Carolina Dieckmann contracenou com as revelações Erik Marmo e Carol Castro. O triângulo Gracinha, Cláudio e Edwiges despertou a atenção do público  Foto: Divulgação

    Em Mulheres Apaixonadas, a veterana Carolina Dieckmann contracenou com as revelações Erik Marmo e Carol Castro. O triângulo Gracinha, Cláudio e Edwiges despertou a atenção do público

    Foto: Divulgação

  9. Pedro Furtado conquistou a simpatia do público como o doce Fred de Mulheres Apaixonadas. As gravações da morte do personagem agitaram os bastidores da trama global  Foto: Lu Coelho/Virgulando

    Pedro Furtado conquistou a simpatia do público como o doce Fred de Mulheres Apaixonadas. As gravações da morte do personagem agitaram os bastidores da trama global

    Foto: Lu Coelho/Virgulando

  10. Pitty Webo é outra revelação de Mulheres Apaixonadas. Como a doce Marcinha, ela se vestiu de colombina para tenta conquistar Fred  Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

    Pitty Webo é outra revelação de Mulheres Apaixonadas. Como a doce Marcinha, ela se vestiu de colombina para tenta conquistar Fred

    Foto: Renato Rocha Miranda/Globo/Divulgação

  11. Rafael Calomeni interpretou Expedito em Mulheres Apaixonadas, um personagem bem mais jovem do que ele próprio  Foto: Reinaldo Marques/Redação Terra

    Rafael Calomeni interpretou Expedito em Mulheres Apaixonadas, um personagem bem mais jovem do que ele próprio

    Foto: Reinaldo Marques/Redação Terra

  12. Camila Morgado encantou o Brasil em A Casa das Sete Mulheres e agora prepara-se para viver Olga no cinema  Foto: Globo/Divulgação

    Camila Morgado encantou o Brasil em A Casa das Sete Mulheres e agora prepara-se para viver Olga no cinema

    Foto: Globo/Divulgação

  13. Amanda Lee viveu a criada Luiza em A Casa das Sete Mulheres. Ela era confidente das sobrinhas e da filha de Bento Gonçalves  Foto: Divulgação

    Amanda Lee viveu a criada Luiza em A Casa das Sete Mulheres. Ela era confidente das sobrinhas e da filha de Bento Gonçalves

    Foto: Divulgação

  14. Veterano no cinema, Werner Schünemann rendeu-se à televisão como o líder da Revolução Farroupilha, Bento Gonçalves, na minissérie A Casa das Sete Mulheres  Foto: Divulgação

    Veterano no cinema, Werner Schünemann rendeu-se à televisão como o líder da Revolução Farroupilha, Bento Gonçalves, na minissérie A Casa das Sete Mulheres

    Foto: Divulgação

  15. Quem também se arriscou na TV em 2003 foi Preta Gil. No seu primeiro dia de gravação, a filha de Gilberto Gil contracenou com Joana Fomm e Thiago Fragoso em Agora é Que São Elas  Foto: Fred Pontes/Especial

    Quem também se arriscou na TV em 2003 foi Preta Gil. No seu primeiro dia de gravação, a filha de Gilberto Gil contracenou com Joana Fomm e Thiago Fragoso em Agora é Que São Elas

    Foto: Fred Pontes/Especial

/foto/0,,00.html