inclusão de arquivo javascript

 
 

Yana Sardenberg conquista público de Floribella

23 de julho de 2006 12h01

Yana Sardenberg interpreta Moniquinha em  Floribella. Foto: Pedro Paulo Figueiredo/TV Press

Yana Sardenberg interpreta Moniquinha em Floribella
Foto: Pedro Paulo Figueiredo/TV Press

Para uma atriz em início de carreira como Yana Sardenberg, ser a campeã de cartas da emissora logo em sua primeira novela na tevê não é um feito qualquer. Mas, longe da vaidade que o título possa sugerir, a carioca de apenas 15 anos está contente mesmo é com o resultado que conquistou nas duas temporadas de Floribella.

Veja a foto ampliada!
Leia o resumo de Floribella

Durante o período de um ano e meio na pele da Moniquinha, a atriz ganhou prestígio junto ao público e viu sua personagem crescer na segunda fase da trama infanto-juvenil da Band. "Para mim, essa novela caiu como uma luva. Estava parada, louca para trabalhar. Além disso, aprendi bastante na Band. Esse trabalho foi uma verdadeira escola", derrete-se.

Na versão brasileira de Patrícia Moretzsohn para a argentina Floricienta, Yana vive Moniquinha - adolescente "patricinha" que faz o tipo independente. Até o fim primeira fase do folhetim, Moniquinha era apenas a melhor amiga da Bruna, personagem de Mariah Rocha. Mas o namoro da moça com o surfista Guto, interpretado por Gustavo Leão, "esticou" a participação da atriz na trama. Para completar sua ascensão, Moniquinha tornou-se uma das "backing vocals" da banda de Flor - personagem de Juliana Silveira - ao lado de Olívia, de Juliane Trevisol. "Definitivamente, o casal deu certo. Recebo muitas cartas dizendo para os personagens ficarem juntos!", diverte-se a atriz.

Dentre as histórias vividas por Moniquinha, uma em especial certamente deixará doces lembranças para Yana. Sua personagem perdeu a virgindade com Guto e trouxe para a novela um importante debate sobre o valor da primeira relação sexual.

Sem a naturalidade de sua personagem, a atriz confessa que sentiu o peso da responsabilidade por apresentar o assunto aos telespectadores de Floribella - em sua maioria, crianças. Para ela, que tem um ano a menos que sua personagem, a maior preocupação foi com a riqueza dos detalhes que a Moniquinha passaria ao público.

"É preciso ter cuidado para transmitir as informações completas, como o uso de preservativos e o valor que a primeira experiência sexual tem", ressalta.

Embora Floribella seja a primeira novela que Yana participa do início ao fim, a atriz não chegou tão inexperiente na Band. Bem antes de figurar no elenco do "folheteen", ela já havia estudado três anos de teatro no Tablado e feito curso de interpretação com Cininha de Paula, diretora de Cobras & Lagartos - novela das sete da Globo. Na época em que foi aluna da diretora, as aulas renderam à mirim três anos no elenco do programa Gente Inocente - dirigido pela própria Cininha. Logo depois, Yana foi para o canal Futura, onde ficou três anos e meio no educativo Teca na TV.

"Sempre fui responsável comigo e estabeleci metas e prazos. Muitas vezes decorei falas no intervalo das aulas na escola", recorda.

Aluna do primeiro ano do ensino fundamental do Colégio Metropolitano, no subúrbio carioca do Méier, a atriz demonstra maturidade ao falar de seus projetos de vida. Sonhadora e de muitos planos - como convém às meninas da sua idade -, Yana quer seguir na profissão, mas sabe que não será fácil se manter no ar. Por isso, além da carreira televisiva, ela pretende fazer faculdade de Jornalismo e de Cinema. Dentre seus maiores sonhos, Yana gostaria de fazer uma trama de época e protagonizar um filme.

"Quero trabalhar muito e fazer papéis totalmente diferentes do que eu sou. Isso que é o legal de ser ator. É poder mudar", fascina-se.

A novela Floribella vai ao ar pela Band, de segunda a sábado, às 20h10.

TV Press