Governo recomenda a aluno com sintoma de gripe faltar à aula

23 jul 2009
18h01
atualizado às 18h20

Os ministérios da Saúde e da Educação recomendaram em nota oficial que estudantes com sintomas de gripe "sigam orientações médicas e evitem retornar às atividades escolares até estarem completamente restabelecidos". Os ministérios pediram ainda que professores e diretores orientem estudantes para retornarem para casa. Segundo o documento, a medida visa evitar a infecção dos estudantes pela gripe suína.

» Veja que cuidados tomar com a gripe suína
» Rio tem mais 4 mortes; total no País vai a 29
» Bebê é 12ª vítima fatal da gripe em SP
» Cidade da região de Campinas confirma mais 1 morte

A nota recomenda ainda que os pais e responsáveis levem as crianças a postos de saúde ou consultórios médicos quando perceberem os primeiros sinais de gripe (febre repentina, tosse, coriza, dores musculares, nas articulações e dor de cabeça).

Os ministérios afirmaram também que ainda estão discutindo com as secretarias estaduais de Saúde a possibilidade de aumentar as férias escolares.

Na quarta-feira, a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro confirmou em nota mais quatro mortes pela doença. No total, o número de pacientes mortos vítimas do vírus chegou a 29 em todo o País. As novas vítimas no Rio de Janeiro são um menino de 10 anos, morto em 14 de julho; um garoto de 6 anos, morto no dia 15; uma grávida de 29 anos, morta no dia 17; e uma mulher de 39 anos, que morreu dia 19.

Fonte: Redação Terra
publicidade