ELEIÇÕES 2006
PRESIDENCIAL
ESTADUAIS
 Boletim
Receba as últimas notícias em seu email

 Fale conosco
Participe! Envie suas críticas e sugestões

 Sites relacionados
Eleições 2004


Pernambuco
Segunda, 30 de outubro de 2006, 11h40 
PE: João Lyra espera receber finanças equilibradas
 
Últimas de Pernambuco
» PE: equipe de transição vai tratar primeiro de finanças
» PE: Campos se encontra com Lula em Brasília
» Campos criará novas secretarias em Pernambuco
» PE: João Lyra espera receber finanças equilibradas
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

O vice-governador eleito pela chapa Frente Popular de Pernambuco, João Lyra Neto (PDT), afirmou agora há pouco que espera receber o Estado com as finanças equilibradas. "Acredito que as finanças estejam equilibradas. Eles (da Coligação União por Pernambuco, do governador e candidato derrotado Mendonça Filho - PFL) têm divulgado isso insistentemente. Vou torcer que todas as informações que foram prestadas à população de Pernambuco, durante a campanha, se confirmem", disse. O pedetista foi nomeado hoje cedo pelo governador eleito, Eduardo Campos (PSB), líder da equipe de transição.

Em entrevista à Rádio CBN, Lyra adiantou ainda que haverá uma reunião hoje com Campos e as demais lideranças, às 15h, para definir o planejamento de transição do Governo. "Nós não temos ainda as informações reais (da situação financeira de Pernambuco). Agora com a transição, vamos penetrar fundo", garantiu, completando que não fará da transição "um palanque eleitoral".

Entre outros trabalhos que serão realizados pela equipe, João Lyra Neto destacou que serão analisados os serviços que estão sendo prestados nas diversas áreas para a população. "Nós vamos saber de todas as informações. A campanha terminou. Vamos tratar (a transição) com muita responsabilidade, para que Eduardo possa colocar em prática os seus compromissos e atender a expectativa que a campanha criou", ponderou. Na próxima segunda-feira, o atual governador Mendonça Filho (PFL) se reunirá com aliados do Governo para tratar sobre a transição.

João Lyra Neto afirmou ainda acreditar que o elo entre Eduardo e o presidente reeleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) possa trazer benefícios para o Estado. "O nosso desejo é de um maior poder de investimento do Governo e de buscar parcerias e convênios com o presidente Lula, que tem uma relação pessoal muito forte com Eduardo", concluiu.
 

Agência Nordeste

Copyright Agência Nordeste. Todos os direitos reservados.