ELEIÇÕES 2006
PRESIDENCIAL
ESTADUAIS
 Boletim
Receba as últimas notícias em seu email

 Fale conosco
Participe! Envie suas críticas e sugestões

 Sites relacionados
Eleições 2004


Presidencial
Domingo, 29 de outubro de 2006, 21h44 
Trios elétricos animam festa do PT na Paulista
 
Simone Sartori e Vagner Magalhães
Direto de São Paulo
 
Vidal Cavalcante/Agência Estado
Multidão lota a Av. Paulista para comemorar a reeleição do presidente Lula
Multidão lota a Av. Paulista para comemorar a reeleição do presidente Lula
Últimas de Presidencial
» Lula falhou na participação social, diz especialista
» Stédile diz que reeleição é "extremamente positiva"
» Lula mantém rumo da economia e Mantega na Fazenda
» Contrapartida de apoio de Maggi a Lula prevê cargos federais
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

Quatro trios elétricos animam a festa do PT na avenida Paulista na noite deste domingo, onde o presidente Luiz Inácio Lula da Silva é aguardado para a festa da vitória e discurso da reeleição. Com bandeiras, camisetas vermelhas, broches e adesivos, cerca de cinco mil pessoas comemoraram no local o anúncio da reeleição de Lula, dançando ao som de jingles da campanha petista.

» Veja fotos

Nas proximidades do palco, a maioria do público é formada por mulheres e crianças. Gabriela Gonçalves, 10 anos, disse que acha importante participar da festa. "Quero ver o Lula de perto", disse. A mãe dela, Cristina Gonçalves, declarou que o presidente venceu porque foi o candidato que melhor representou o povo.

O comerciante João Carlos Rodrigues, 55 anos, foi um dos primeiros a chegar, vestindo uma fantasia de carnaval com lantejoulas e penas vermelhas. "Trabalhei para o PT de terno e gravata todos esses meses e, agora, preferia uma coisa forte, então peguei esta fantasia", disse.

O vigilante de rua Joseildo Antônio da Silva, 32 anos, circulava entre os petistas com uma imagem de Nossa Senhora Aparecida e a foto de Lula colada à coroa. "Tinha certeza de que ele seria o pai dos pobres. Minha família, lá no interior de Pernambuco, está vivendo bem agora, então fiz uma promessa para Lula se eleger de novo", contou.

Toda a estrutura, com banheiros químicos portáteis, ambulâncias e caminhões de som, começou a ser montada depois das 17h. Segundo a organização, a prefeitura de São Paulo só liberou a avenida à tarde. Quatro quarteirões da Paulista foram fechados para o trânsito.

Com agências
 

Redação Terra