ELEIÇÕES 2006
PRESIDENCIAL
ESTADUAIS
 Boletim
Receba as últimas notícias em seu email

 Fale conosco
Participe! Envie suas críticas e sugestões

 Sites relacionados
Eleições 2004


Paraíba
Domingo, 29 de outubro de 2006, 20h41 
PB: Confira o perfil de Cássio Cunha Lima
 
Terra
Cássio Cunha Lima é natural de Campina Grande
Cássio Cunha Lima é natural de Campina Grande
Últimas de Paraíba
» Cássio minimiza ataques de José Maranhão
» PB: José Maranhão não aceita vitória de Cássio
» Eleitor sobe 148 degraus para "pagar" vitória de candidato
» PB: Simpatizantes festejam reeleição de Cunha Lima
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

Reeleito governador da Paraíba com cerca de 51% dos votos válidos, Cássio Cunha Lima (PSDB), 42 anos de idade, é natural de Campina Grande.

» Cunha Lima é reeleito na PB
» Comente a vitória de Cássio Cunha Lima

Filho do ex-governador, senador e agora deputado federal Ronaldo Cunha Lima e Maria da Glória Rodrigues da Cunha Lima, é formado em Direito pela Faculdade de Ciências Jurídicas da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). É casado com Silvia Almeida Cunha Lima com quem tem três filhos: Diogo, Marcela e Pedro.

Começou a vida pública militando no movimento estudantil, no final da década de 70. Em 1986, aos 23 anos, foi eleito o deputado federal mais jovem do País, pelo PMDB, e participou da Assembléia Nacional Constituinte.

Eleito prefeito de Campina Grande pela primeira vez em 1988, foi reconduzido ao cargo outras duas vezes. Voltou à Câmara dos Deputados em 1994.

Também foi superintendente da extinta Sudene entre dezembro de 1992 e janeiro de 1994, conselheiro do Banco do Nordeste de fevereiro de 1993 a dezembro de 1993.

Integrou várias comissões na Câmara, entre elas a de Ciência, Tecnologia e Comunicação da Câmara dos Deputados (1995 a 1996). Foi vice-líder do PMDB, (março de 1995).

Como deputado, Cunha Lima é o autor de projetos de destaque como o que aumentou de meio para um salário mínimo o menor benefício pago pela Previdência Social, o que garante ônibus gratuito para maiores de 65 anos, o que reduziu em cinco anos a idade mínima para a aposentadoria de trabalhadores rurais.

Ele rompeu com o PMDB em 2001, depois que o pai perdeu disputa interna no partida para a candidatura a governador da Paraíba para o próprio José Maranhão, adversário derrotado por Cunha Lima neste ano. Ambos se filiaram ao PSDB, pelo qual se elegeu governador pela primeira vez em 2002, superando Roberto Paulino, apoiado por Maranhão.

Neste ano, a disputa foi muito acirrada, a ponto de os dois adversários no segundo turno terem sido multados no equivalente a cerca de R$ 23 mil por propaganda eleitoral antes do primeiro dia permitido pela legislação eleitoral.


 

Redação Terra