ELEIÇÕES 2006
PRESIDENCIAL
ESTADUAIS
 Boletim
Receba as últimas notícias em seu email

 Fale conosco
Participe! Envie suas críticas e sugestões

 Sites relacionados
Eleições 2004


Eleições 2006
Quarta, 25 de outubro de 2006, 18h47 
Não existe cidadão superior ou inferior, diz Lula em cerimônia
 
Últimas de Eleições 2006
» Ibope aumenta índice de acertos no 2º turno
» Diminui número de eleitores no 2º turno em Manaus
» Lula falhou na participação social, diz especialista
» Stédile diz que reeleição é "extremamente positiva"
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

A quatro dias do segundo turno, o presidente-candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aproveitou uma cerimônia com catadores de materiais recicláveis e moradores de rua no Palácio do Planalto para, em tom de campanha, voltar a bater na tecla da importância de garantir a "cidadania" a todos os brasileiros.

"Faz três anos que todo dia 23 de dezembro eu vou passar o Natal com eles... e vou agora dia 23, vou outra vez debaixo do viaduto em São Paulo me juntar a catadores de papel e moradores. Eles têm de saber que nós temos que fazer com que eles conquistem a cidadania", disse Lula.

O presidente assinou decreto que institui a coleta seletiva nos órgãos federais e anunciou uma linha de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para catadores de materiais recicláveis.

"Ninguém mora na rua porque quer, não existe cidadão superior ou inferior, nem bacana e não-bacana", acrescentou o presidente.

Mantendo o mesmo tom, mas tentando aliviar o caráter eleitoreiro do evento, o ministro do Desenvolvimento Social, Patrus Ananias, disse que o compromisso do governo "é com os pobres e a justiça social".

"A motivação não é político-eleitoral, é conseqüência", declarou o ministro.

Já o presidente da associação dos moradores de rua, Sebastião Nicomedes, foi bastante pragmático ao discursar.

"Estou pouco me lixando para a propagando política, para programa político", disse, explicando que seu objetivo é apenas evitar que os problemas enfrentados pelos moradores de rua continuem.
 

Reuters

Reuters Limited - todos os direitos reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.