Notícias Eleições Presidência Luiz Inácio Lula da Silva


 boletim tempo SMS fale conosco  

Capa
Notícias
Candidatos
Estados
Jornal do Terra
Pesquisas
Transição 2002
Urna eletrônica
 Últimas eleições
2002
2000
1998
Outras Eleições

 Sites relacionados
TSE
TREs
Partidos

 Fale conosco
Escreva com críticas e sugestões
Presidência
Terça, 29 de outubro de 2002, 08h32 
Parente diz que reunião definirá regras para transição
 
Veja também
Galeria de Fotos
» Primeiro encontro de FHC e Lula
Notícias
» Visita de Lula a Brasília frustra expectativa sobre ministério
» Lula anuncia que Palocci coordenará equipe de transição
» Saiba quem é Antônio Palocci
» Os nomes da equipe do PT
» Quem integra a equipe do governo
» Conselho vai traçar programas sociais
» FHC deixa inflação sob controle e dívida alta
» Frases de Lula depois de eleito
Links
» Transição 2002: Lula vai tentar atrasar anúncio de ministério
» Biografia de Lula
Últimas sobre Luiz Inácio Lula da Silva
» Lula se reúne com aliados para discutir governo
» Ronaldinho e ONU ajudarão no combate à fome
» Gushiken cuidará da Previdência na transição
» Lula pode ganhar título de doutor pela UFPE
Busca
Faça sua pesquisa na Internet:

O ministro-chefe da Casa Civil, Pedro Parente, disse, em entrevista ao Bom Dia Brasil, que a reunião prevista para hoje entre a equipe do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva e o governo definirá as regras da transição.

"O que pretendemos fazer hoje em conjunto com a equipe do novo presidente é estabelecer as regras do jogo. É importante ter regras claras para que a gente possa ter, como deseja o presidente, uma transição tranqüila", ressaltou Parente.

Deverão ser discutidos durante o encontro questões como o orçamento do governo para 2003, a composição da equipe ministerial e da equipe econômica, os nomes indicados para o Banco Central.

O ministro confirmou que a opinião do novo governo terá um peso muito grande durante as negociações da revisão do acordo com o Fundo Monetário Internacional, uma vez que serão discutidas metas que devem ser cumpridas pelo presidente eleito.

Parente ressaltou ainda a necessidade de Lula anunciar o mais rápido possível os nomes da sua equipe econômica, para indicar ao mercado financeiro quais os rumos que a economia irá tomar no novo governo.
 

JB Online