0

Candidato “paz e amor”, Eduardo Jorge nega uso de maconha

Postulante do PV à presidência da República disse após o debate da TV Globo que veio de família de esportistas e nunca sequer fumou um cigarro na vida

3 out 2014
08h07
  • separator
  • comentários

Em meio aos diversos debates promovidos por TVs e outros órgãos dentro da disputa pela presidência da República, circulou nas redes sociais uma quantidade imensa de memes que davam conta de que o candidato do PV, Eduardo Jorge, seria um adepto de uma filosofia, digamos, “maconheira”.

<p>Candidato Eduardo Jorge ao lado de Aécio Neves no debate eleitoral</p>
Candidato Eduardo Jorge ao lado de Aécio Neves no debate eleitoral
Foto: Erbs Jr. / FramePhoto

Na entrevista após o último embate entre sete candidatos promovido pela TV Globo, na noite da última quinta-feira, Eduardo Jorge resolveu botar os “pingos nos is” ao ser indagado por um jornalista se já havia provado da erva.

“Eu, graças a Deus, sou de uma família de esportistas, na minha casa ninguém nunca fumou cigarro, imagina maconha. Nós cuidamos muito da nossa saúde. Sabendo quais são as coisas eu vou cair numa bobagem dessa?”, indagou o candidato verde.

“Nunca precisei deste tipo de emoção, tenha paciência”, disse o candidato ao defender políticas de legalização da maconha. O seu pensamento, como ele define, é uma política antidrogas que, na sua visão, foi um fracasso.

“O que eu não posso é me conformar com esse fracasso de política pública. Precisamos de uma política mais eficiente, e liberar a polícia para casos mais graves, e tendo uma conversa mais adulta com os usuários, e não como hoje que eu entrego ele para o crime organizado”, explicou. “Mas eu nunca fumei”, finalizou, deixando bem claro que sua bandeira “paz e amor” não tem nada a ver com seus hábitos.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade