Rio de Janeiro

Terça, 11 de novembro de 2008, 18h30

MP quer condenação de reeleita no interior do Rio

  • Notícias

O Ministério Público Eleitoral (MPE) apresentou recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em que pede a condenação da prefeita reeleita de São João da Barra (RJ), Carla Maria Machado dos Santos (PMDB), por abuso de poder econômico e compra de votos nas eleições de 2004.

Na decisão, o MPE analisou a acusação do PSDB de que a candidata teria se beneficiado da distribuição de cestas básicas à população da cidade em junho de 2004, por meio da Fundação Leão XIII. Segundo a legenda, isso teria influenciado no equilíbrio entre os candidatos daquela eleição.

No entanto, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) julgou improcedente a representação do partido alegando que não houve abuso de poder econômico nem uso da máquina estatal em benefício de Carla e dos candidatos a vereador Antônio José da Silva Pereira e Fernando Nunes dos Santos.

Segundo a decisão, houve apenas a continuidade de programas sociais previamente autorizados em lei. O MP contesta a decisão do tribunal regional por entender que houve perda de objeto. O Ministério Público afirma que "é óbvio o impacto da distribuição de cestas básicas no pleito (de 2004), ainda que realizada segundo critérios econômicos".


Redação Terra