Eleições 2008

Quinta, 30 de outubro de 2008, 02h55

Rio: pasta dos Transportes deve ficar com o PP

  • Notícias

Enquanto o prefeito eleito Eduardo Paes (PMDB) não anuncia os nomes de todos os secretários de governo, as especulações e disputas entre os partidos continuam a todo o vapor. Uma das pastas mais cobiçadas, a Secretaria de Transportes deve ficar com o PP, do senador Francisco Dronelles. Ele teria vencido a queda de braço com o PT. O escolhido para representar seria o deputado estadual Dionísio Lins.

Entre os que o PT tentava emplacar estavam o vereador Adilson Pires, o deputa Carlos Santana e o do ex-secretário Estadual de Transportes, Raul de Bonnis. Este ocupou o cargo durante a gestão da ex-governadora Benedita da Silva, que deve deixar a Secretária Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, para assumir a Secretaria Municipal de Assistência Social. O vereador Luiz Antônio Guaraná deve assumir a Secretaria de Obras ou a de Urbanismo.

À frente da Secretaria Estadual de Transportes, Júlio Lopes deve deixar o cargo para assumir função ainda não definida na Prefeitura. Em seu lugar entraria o ex-prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis (PMDB).

Arolde se apresenta
À frente da Secretaria Municipal de Transportes há seis anos, o deputado federal Arolde de Oliveira (DEM) foi exonerado pelo prefeito Cesar Maia. Para o cargo foi nomeado o ex-vereador Romualdo Boaventura (DEM). Arolde foi exonerado pelo prefeito Cesar Maia por ter se recusado a fazer campanha para Fernando Gabeira (PV) no segundo turno. Arolde avisou que vai se colocar à disposição de Paes.


O Dia