Porto Alegre (RS)

Terça, 28 de outubro de 2008, 16h36 Atualizada às 17h12

Fogaça: metrô depende de investimento do governo federal

  • Notícias

O prefeito reeleito de Porto Alegre, José Fogaça (PMDB), disse em entrevista a rádio Gaúcha que "as obras da linha dois do trensurb dependem de investimentos do governo federal".

Conforme Fogaça, a União necessitaria colocar na lei orçamentária cerca de R$ 300 milhões como um sinal efetivo para que possa se fazer uma obra desse porte.

O prefeito esclareceu que a linha dois do metrô deve começar no bairro Azenha (região central da capital), passando pelos bairros Cidade e Baixa e Centro (a linha seria subterrânea), indo em direção a zona norte da capital. "Também existe a hispótese de uma linha de metro entre o centro da cidade e o bairro Meninos Deus", explicou o prefeito.


Redação Terra