São Paulo (SP)

Segunda, 27 de outubro de 2008, 10h58 Atualizada às 11h16

Marta tira dia de folga após derrota em São Paulo

  • Notícias

Marta em entrevista após reconhecer derrota
Marta em entrevista após reconhecer derrota
Ricardo Matsukawa/Divulgação

Rogério Gatti
Direto de São Paulo

A candidata do PT à prefeitura de São Paulo, Marta Suplicy, tirou o dia de folga após ser derrotada nas urnas pelo atual prefeito, Gilberto Kasssab (DEM). A assessoria da ex-ministra informou que ela não viajará e que hoje cuidará apenas de assuntos pessoais.

Ontem, após reconhecer publicamente a derrota duas horas depois de terminado o horário de votação, Marta agredeceu aos seus eleitores (ela obteve 2.452.527 votos, o que representou 39,28% dos válidos) e a militância do seu partido e disse que cabe agora a fiscalização do povo para que o prefeito eleito cumpra as promessas feitas em campanha. Marta também afirmou que antes de falar com os jornalistas ligou para Kassab para parabenizá-lo pela vitória.

A assessoria da petista também informou que Marta não deverá falar com a imprensa hoje e que não há nenhum compromisso agendado para o resto da semana.


Redação Terra