Porto Alegre (RS)

Segunda, 27 de outubro de 2008, 07h50 Atualizada às 08h46

Sem voz, Fogaça cancela as primeiras agendas

  • Notícias

Fogaça comemorou a vitória com a militância em Porto Alegre
Fogaça comemorou a vitória com a militância em Porto Alegre
Nabor Goulart/Futura Press

Fabiana Leal
Direto de Porto Alegre

O prefeito reeleito de Porto Alegre, José Fogaça (PMDB), cancelou a agenda de entrevistas para veículos de comunicação nesta manhã. Segundo a assessoria de Fogaça, ele estava sem voz ontem à noite e solicitou dar apenas uma entrevista.

Fogaça concederá uma entrevista coletiva às 11h, no diretório do partido.

O peemedebista venceu o segundo turno das eleições municipais com 58,95% dos votos válidos. É o primeiro caso de reeleição na prefeitura da capital gaúcha. A candidata petista, Maria do Rosário, obteve 41,05% dos votos válidos.

Ontem, Fogaça teve um mal-estar durante o discurso para comemorar a vitória, no comitê central do partido, devido ao calor e ao grande número de pessoas no local. Fogaça chegou a parar o discurso e disse que continuaria do lado de fora. O equipamento de som teve alguns problemas, mas, pouco depois, Fogaça voltou a falar à militância, em cima de um carro de som.

Segundo a assessoria, Fogaça disse que não havia dormido muito bem na noite que antecedeu o pleito devido à ansiedade e acordou cedo no domingo das eleições.


Redação Terra