Maranhão

Domingo, 26 de outubro de 2008, 19h00

Junior Coelho é eleito em cidade que teve urnas queimadas

  • Notícias

Laryssa Borges
Direto de Brasília

O candidato Junior Coelho (PRB) foi eleito prefeito do município de Benedito Leite, no Maranhão, cidade onde a Justiça Eleitoral havia determinado a anulação da eleição no primeiro turno após a revolta de alguns eleitores, que queimaram todas as 16 urnas eleitorais em protesto contra o cancelamento de seus títulos.

No ano anterior, durante o processo de revisão eleitoral, quando são recadastrados todos os eleitores do município, foram cancelados os títulos de todos aqueles que não apresentaram seus dados atualizados. A recusa no ato de votação, confirmada pelos mesários, foi o estopim da revolta, disse Justiça Eleitoral.

Com 100% das urnas apuradas, Coelho venceu com 45,02% dos votos válidos. A segunda colocação ficou com Pene (PMDB), com 37,62%. O candidato Marcus França (PRTB) ficou no terceiro lugar, com 17,35%. Após o incidente na primeira etapa do pleito, em 5 de outubro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou novo envio das Forças Armadas para a região.


Redação Terra