Florianópolis (SC)

Domingo, 26 de outubro de 2008, 14h41 Atualizada às 15h34

TRE-SC registra apenas um delito grave

  • Notícias

O segundo turno em Santa Catarina transcorre em clima tranqüilo. Pela manhã, a Polícia Militar (PM) registrou apenas uma ocorrência grave em Joinville, onde David Justino foi detido em frente ao Colégio Plácido Olímpio de Oliveira, por transporte ilegal de leitores.

Segundo a assessoria de imprensa da PM, ele dirigia uma kombi branca lotada de eleitores, e vestia uma camisa do Democratas (DEM). No sul de Florianópolis, foram recolhidas bandeiras, mas ninguém foi detido.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) informou que 28 urnas eletrônicas foram substituídas até as 13h, das 2.271 que estão sendo usadas nas duas cidades onde há segundo turno. Desse total sete estavam na capital.

A expectativa do TRE é de que não haja novas ocorrências no período da tarde, porque a maior parte dos problemas aconteceu com os relógios internos da urnas.


Agência Brasil