Belo Horizonte (MG)

Domingo, 26 de outubro de 2008, 12h25 Atualizada às 13h26

Quintão vota acompanhado de Hélio Costa e Jô Moraes

Quintão disse que acredita na vitória por não confiar nas pesquisas eleitorais
Quintão disse que acredita na vitória por não confiar nas pesquisas eleitorais
Ney Rubens/Especial para Terra

Ney Rubens
Direto de Belo Horizonte

O candidato à prefeitura de Belo Horizonte Leonardo Quintão (PMDB) votou às 11h na Escola Estadual Argentina Viana Castelo Branco, no centro-sul da cidade. Ele estava acompanhado do ministro das comunicações, Hélio Costa, e da candidata derrotada no primeiro turno Jô Moraes (PCdoB).

Quintão disse que acredita na vitória por não confiar nas pesquisas eleitorais. "Quem decide é o eleitor, não é pesquisa, campanha na televisão ou rádio", comentou. Conforme o último levantamento do Datafolha o candidato Márcio Lacerda (PSB) tem 50%, contra 35% de Quintão. Já no Ibope, Quintão e Lacerda aparecem empatados tecnicamente.

Quintão também disse que nunca acreditou que estava 30 pontos à frente como indicavam as pesquisas no início do segundo turno.

"A gente tinha pesquisa interna que apontavam, no máximo, sete a oito pontos de vantagem. Pessoas do outro lado me ligaram e disseram: 'Leonardo, vão te botar na frente'. Mas quando as pesquisas passaram, o meu eleitor tinha ido para o clube, estava cozinhando, tomando banho ou no barzinho", explicou.


Especial para Terra