Salvador (BA)

Sexta, 24 de outubro de 2008, 08h50 Atualizada às 08h59

Pinheiro acusa adversário de desmatamento em Salvador

  • Notícias

Pinheiro promove caminhada
Pinheiro promove caminhada
Divulgação

O candidato a prefeito de Salvador Walter Pinheiro (PT) promoveu, na noite de ontem, uma caminhada que contou com o apoio de políticos e de militantes da coligação Salvador-Bahia-Brasil (PT-PSB-PCdoB-PV). Durante o comício, Pinheiro dirigiu duras críticas ao atual prefeito, João Henrique (PMDB), e à sua campanha. "Eles estão inventando agora de mostrar que são verdes, mas estão com dor na consciência, com culpa porque devastaram o verde da nossa cidade".

Pinheiro mostrou-se confiante na vitória e conclamou a participação de todos na última carreata, que ocorrerá no sábado. "Não vamos vacilar, vamos continuar batalhando".

A candidata a vice-prefeita, Lídice da Mata (PSB), também agradeceu a presença dos militantes e criticou a relação do candidato do PMDB com o governador Jaques Wagner (PT), que, segundo ela, teria ajudado o prefeito nos momentos de dificuldade financeira na capital. "Ele se disse aliado ao governador no primeiro turno e agora o ataca para atingir a candidatura de Pinheiro".

A última caminhada no centro de Salvador contou com a participação do secretário nacional do PT, deputado federal José Eduardo Cardoso, do ex-governador Waldir Pires (PT), de secretários estaduais, deputados federais e estaduais baianos, de prefeitos eleitos e vereadores, de dirigentes de órgãos federais e dos partidos políticos.

O líder do governo na Assembléia Legislativa, Waldenor Pereira (PT), vibrou ao reencontrar na caminhada antigos companheiros de luta política. "A nossa militância faz a diferença. Por isso estamos confiantes na vitória de Pinheiro e Lídice, que vão trazer para Salvador o projeto político que o presidente Lula adotou e chegou para as cidades onde os gestores souberam encaminhar com competência e responsabilidade".


Redação Terra