São Luís

Quinta, 16 de outubro de 2008, 17h20

MP pede cassação de prefeito reeleito no Maranhão

  • Notícias

Shirley Freire
Direto de São Luís

O Ministério Público do Maranhão (MP) pediu a cassação do prefeito reeleito de Turilândia, Domingos Sávio Fonseca Silva (PDT), o Domingos Curió. Conforme a representação do promotor da 83ª Zona Eleitoral, Emmanuel José Peres Netto Guterres Soares, Curió é acusado de abuso de poder político e econômico.

Segundo denúncias feitas por servidores da cidade, quando ainda disputava a prefeitura, Curió teria ameaçado funcionários, que apoiavam candidatos da oposição, de perder cargos e gratificações.

Dois servidores chegaram a perder os benefícios, uma professora teve o salário reduzido e uma secretária foi exonerada. Outros quatro professores e um vigia foram ameaçados de ter os vencimentos cortados.

Outra denúncia constatada durante as investigações do promotor foi a distribuição de combustível na véspera da eleição.

Além da perda do mandato, o pedido do MP determina o cancelamento dos atos de transferência e exoneração dos servidores e o pagamento dos salários atrasados.


Especial para Terra