Florianópolis (SC)

Terça, 14 de outubro de 2008, 22h07 Atualizada às 22h11

Balneário Camboriú pode ter nova zona eleitoral em 2009

  • Notícias

Os juízes do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC) aceitaram o pedido de criação de uma nova zona eleitoral em Balneário Camboriú, a 83 km de Florianópolis. A decisão deve ser submetida ao crivo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 2009, já que uma resolução do próprio TSE impede que em ano eleitoral o órgão defina sobre a criação e o desmembramento de zonas.

O relator, juiz Odson Cardoso Filho, alegou que 106.332 eleitores em apenas uma Zona Eleitoral - a 56ª - impõe sérias dificuldades para a prestação de serviços à comunidade.

"Esclareça-se que a proposta de divisão possui como referência geográfica a rodovia BR-101, que atravessa o município no sentido Norte-Sul, restando no lado leste a circunscrição da 56ª Zona, com o efetivo de 54.379 eleitores, e na lateral oeste a circunscrição da nova Zona Eleitoral, integrada por 51.953 eleitores", escreveu.

A direção-geral do TRE-SC informou que existe orçamento para a instalação e manutenção da nova zona.

"Diante desse cenário, conclui-se que o pedido de criação de uma nova Zona Eleitoral em Balneário Camboriú resultará em melhor distribuição do eleitorado nos municípios que compõem referida circunscrição eleitoral e, conseqüentemente, em benefício do atendimento a eles prestado, sem gerar custos elevados à Justiça eleitoral", concluiu o relator.


Redação Terra