Recife (PE)

Segunda, 6 de outubro de 2008, 02h21 Atualizada às 02h19

Pernambuco elegeu todos os prefeitos no 1º turno

  • Notícias

Gabriela Belém
Direto do Recife

Em Pernambuco, não haverá mais eleições para prefeito em 2008. Todos os resultados foram decididos neste domingo porque a lei eleitoral diz que apenas municípios com mais de 200 mil eleitores poderão convocar pleitos no segundo turno.

Os únicos três colégios eleitorais com mais de 200 mil eleitores do Estado já anunciaram os nomes dos novos prefeitos, com as vitórias de João da Costa (PT), no Recife, de Elias Gomes (PPS), em Jaboatão dos Guararapes, e de Renildo Calheiros (PCdoB), em Olinda.

Elias Gomes (PPS) alcançou 53,63% dos votos válidos em Jaboatão, mas pesquisas de opinião davam como certo um segundo turno com o segundo lugar, André Campos (PT), que teve 31,2%. O atual prefeito da cidade, Newton Carneiro (PRB), que teve o registro de sua candidatura cassado em primeira instância por acusação de improbidade administrativa, ficou em terceiro, com 9,01% dos votos válidos. Paulo Rubem (PDT) conseguiu 5, 41%, e o Padre Sóstenes Arruda, 0,75%.

Já em Olinda, Renildo Calheiros, que é irmão do senador Renan Calheiros (PMDB/AL), venceu com 54,43%, ficando à frente de Jacilda Urquisa (PMDB), que teve 19,08%, e de Arlindo Siqueira (PTB), com 14,38% dos votos válidos.


Especial para Terra