Palmas (TO)

Sexta, 3 de outubro de 2008, 01h24 Atualizada às 02h49

TO: último debate conta com todos os candidatos

  • Notícias

O debate aconteceu nos estúdios da TV Anhanguera e foi mediado por Rogério Silva
O debate aconteceu nos estúdios da TV Anhanguera e foi mediado por Rogério Silva
Francisco de Assis/Especial para Terra

Francisco de Assis
Direto de Palmas

Todos os candidatos à prefeitura de Palmas participaram do último debate do primeiro turno: Getúlio Vargas (PTdoB), Marcelo Lelis (PV), Nilmar Ruiz (DEM), Raul Filho (PT) e Tasso Antonio (PMN) estiveram nos estúdios da TV Anhanguera, afiliada da Rede Globo de Televisão. O encontro foi mediado pelo diretor de jornalismo da TV e dividido em cinco blocos.

Getúlio Vargas (PTdoB) afirmou que existem "candidatos que não gostam de pobre, candidatos que quando chegam em casa tiram logo a camisa porque não gostam do 'cheiro do povo.'" A declaração lembra uma famosa frase dita pelo ex-presidente da República João Batista Figueiredo: "prefiro cheiro de cavalo a 'cheiro de povo.'"

O candidato do PV disse que pretende melhorar o serviço na área de transporte através da concorrência. "O sistema de transporte tem que ter outras empresas prestando serviços para gerar empregos e qualidade. Por isso a importância da abertura da concorrência, uma forma de aumentar o número de empregos e também da qualidade do serviço prestado", falou.

O democrata Ruiz preferiu falar sobre a educação: "se colhe em Palmas aquilo que eu plantei quando fui prefeita. Precisamos fazer com que o aluno aprenda. E é isso que queremos. Nós vamos fazer com que o aluno possa ter na escola o local apropriado para a aquisição de mais conhecimento", garantiu.

Já Tasso Antonio (PMN) criticou o sistema de ensino. "É inadmissível que Palmas tenha uma educação mediana no Estado do Tocantins. Nós temos a obrigação de fazer com que a população de Palmas tenha os melhores índices do Estado. Temos esse compromisso com os pais e mães da capital", concluiu.

O candidato à reeleição, Raul Filho, lembrou suas realizações enquanto prefeito: "a sociedade de Palmas acredita no que estamos fazendo. Priorizamos a habitação, como nunca ocorreu. O nosso governo vai entregar 5342 unidades habitacionais e temos mais 1470 aprovadas pelo ministério da cidade. Temos tudo isso no IBGE."


Especial para Terra