Teresina (PI)

Sábado, 27 de setembro de 2008, 23h24 Atualizada às 23h24

PI: Haddad quer sintonia entre ministério e Teresina

  • Notícias

Carlos Rocha
Direto de Teresina

O ministro da Educação, Fernando Haddad, esteve em Teresina para apoiar o candidato do Partido dos Trabalhadores (PT) à prefeitura da cidade, Nazareno Fonteles. Haddad destacou a aliança entre o ministério e o governo piauiense e disse querer que o mesmo aconteça em relação à capital Teresina.

"Espero que o trabalho que o Ministério da Educação vem desenvolvendo, muito alinhado com o governo do Estado, se reflita na vida dos bairros de Teresina. O nosso objetivo é contar com companheiros que sejam cada vez mais sintonizados com as nossas políticas públicas", comentou o ministro.

Haddad, que foi anunciado por militantes petistas como "o ministro do Prouni e da extensão dos Cefet's (Centros Federais de Ensino)", disse estar animado com o desempenho do PT e dos partidos aliados nas capitais. Para ele, há um crescimento constante das intenções de voto nessas cidades.

"Sobretudo nas capitais, há muita volatilidade, então é preciso aguardar o quadro, fazer propostas para a população e aguardar", destacou Fernando Haddad.

Animado com a visita do ministro, Fonteles ressaltou que qualquer evento é fundamental na reta final da campanha e considerou que os debates da última semana serão uma oportunidade para o crescimento da sua candidatura.

"Com os debates vamos crescer mais ainda, melhorando o desempenho, mostrando as fragilidades do adversário", afirmou o petista, que ainda considerou que enquanto a candidatura de seu adversário Sílvio Mendes (PSDB) desce, a sua sobe.

Após a visita à capital, Haddad se dirigiu à cidade de União, localizada a 56 Km de Teresina, para dar apoio ao candidato a prefeito José Barros (PT). Assim como em Teresina, o candidato do PT em União está atrás de um adversário nas pesquisas de intenção de voto. No caso da cidade do interior, o adversário é Gustavo Medeiros (DEM).


Especial para Terra