Campo Grande (MS)

Segunda, 22 de setembro de 2008, 08h35 Atualizada às 11h18

Teruel se reúne com catadores no lixão de Campo Grande

Pedro Teruel se encontrou com os catadores no lixão
Pedro Teruel se encontrou com os catadores no lixão
Divulgação/Redação Terra

O candidato a prefeito de Campo Grande pelo PT, Pedro Teruel, reuniu-se com famílias que sobrevivem da coleta do material reciclado despejado no lixão da região do Bairro dom Antônio Barbosa. Em pauta, as propostas de melhorias para região, envolvendo geração de emprego e renda, saúde e meio ambiente.

Teruel destacou que é autor da lei que cria a Coleta Seletiva em Campo Grande, aprovada em 1994 quando ele ainda era vereador, mas a prefeitura não implantou o serviço. "O objetivo era criar centrais de reciclagem para que as pessoas tirem seu sustento em um lugar adequado, longe das montanhas de lixo que além do mau cheiro, da fumaça e da sujeira revelam outros riscos ligados à saúde. Se a Lei fosse cumprida, talvez não houvesse mortes de pessoas por acidente como já aconteceu", afirmou Teruel.

O candidato propôs para a região um pacote de programas sociais para dar assistência às famílias mais pobres. "Sei que essa região era uma das áreas priorizadas pelo governo do PT. Porém, quando o PMDB assumiu houve o cancelamento dos programas sociais e nem todas as famílias foram recadastradas para receber o benefício atual".


Redação Terra