Natal (RN)

Sábado, 20 de setembro de 2008, 15h24 Atualizada às 15h25

Para Agripino, Lula quer nacionalizar campanha

  • Notícias

Juliska Azevedo
Direto De Natal

O senador José Agripino Maia, líder do Democratas na Casa, afirmou que não irá ceder ao propósito do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de nacionalizar a campanha em Natal. "Lula veio aqui com o propósito de nacionalizar uma campanha que é do povo de Natal. E o povo está mostrando claramente que já decidiu por Micarla", disse em referência a participação de Lula no comício da candidata Fátima Bezerra (PT), ontem à noite, na capital do Rio Grande do Norte. Segundo o Ibope, a adversária Micarla de Sousa (PV) lidera a disputa eleitoral com 45% das intenções de voto.

Para Agripino, a principal diferença entre as candidaturas de Fátima e Micarla está na adesão popular. "Onde Micarla caminha, de pé no chão, conta com uma grande adesão popular", destacou.

Ele também rebateu as críticas do presidente sobre Micarla, que é jornalista. Segundo Lula, nenhum apresentador que se elegeu fez boa gestão. Para o Agripino, "o presidente desrespeitou a todos os jornalistas. Foi deselegante e grosseiro com a classe."

O senador também garantiu que Lula não irá conseguir polemizar as questões nacionais na campanha de Natal. "As questões nacionais trataremos no fórum próprio em Brasília. Não vou comentar absolutamente nada. Não vou entrar nesse jogo", respondeu.


Especial para Terra