Belém (PA)

Sexta, 12 de setembro de 2008, 08h09 Atualizada às 10h45

Prefeito de Belém foi o alvo em debate na TV

  • Notícias

Debate com os candidatos de Belém foi marcado pelos ataques a Duciomar Costa
Debate com os candidatos de Belém foi marcado pelos ataques a Duciomar Costa
Lucy Silva/Especial para Terra

Lucy Silva
Direto de Belém

O primeiro debate dos candidatos a prefeito de Belém transmitido pela TV foi marcado pela troca de acusações entre os dois candidatos que estão empatados na liderança da pesquisa Ibope de intenção de voto na capital paraense - Duciomar Costa (PTB) e Valéria Pires Franco (DEM) - e os outros cinco que também estão na disputa pelo cargo. O principal tema abordado pelos participantes foi a saúde.

» Veja fotos do debate
» Ibope: Duciomar e Valéria lideram em Belém
» vc repórter: mande fotos e notícias

O primeiro bloco foi dedicado a uma pergunta comum a todos os candidatos, que responderam sobre quais suas prioridades de Governo. Nos três blocos seguintes, os candidatos fizeram perguntas entre si.

Os participantes focaram as criticas na atual administração do candidato à reeleição Duciomar Costa, da coligação "União por Belém", e também no apoio da candidata Valéria Pires Franco ao atual prefeito na eleição passada. Valéria também foi cobrada sobre sua gestão de vice-governadora.

O tema saúde foi o mais debatido durante o debate. Duciomar começou perguntando e acusou a candidata do DEM de não ter protegido a saúde quando era vice-governadora. "A senhora tinha um superorçamento, maior do que o de Belém e não fez nada", acusou Costa.

"Lamento que trate disso com tanto descaso. Fizemos sim muitas obras, como cinco hospitais regionais, o hospital metropolitano. Não vou abandonar a saúde como o senhor fez", respondeu.

Valéria, por sua vez acusou Duciomar de deixar obras inacabadas. "Vou construir o pronto socorro que o senhor prometeu e não cumpriu", disse. Duciomar respondeu acusando a candidata do DEM de dificultar a situação para o município. "Não deixou a prefeitura municipalizar o hospital Abelardo Santos, quando foi vice-governadora".

Os demais candidatos também atacaram Valéria. Arnaldo Jordy (PPS) e Mário Cardoso (PT) lembraram do apoio da candidata do DEM, à campanha de Duciomar para a Prefeitura em 2004.

Quando questionada por Mário Cardoso sobre seus projetos para solucionar o problema do trânsito, Valéria voltou a criticar Duciomar. "Quatro anos é muito tempo para trabalhar. Não adianta aparecer só agora se desculpando", disse.

Valéria foi repreendida pelo candidato do PT, Mário Cardoso. "A senhora não pode afirmar isso, pois contribuiu para essa situação porque levou Belém a votar errado".

Em outro momento foi Jordy quem lembrou o fato. "Uma pessoa como a senhora, que quer cuidar, não teve cuidado de escolher quem ia apoiar", disse.

Valéria se defendeu, dizendo que "acreditei na boa fé dele, ele não decepcionou só a mim, mas toda a população de Belém", afirmou.

O candidato José Priante (PMDB) perguntou à Marinor Brito(Psol) sobre a postura dos dois candidatos que lideram as pesquisas. Marinor disse que "o povo de Belém não precisa escolher entre quem abandonou a cidade e quem mente sobre a cidade".

Avaliação
Para Arnaldo Jordy, o encontro foi fundamental para os candidatos apresentarem suas propostas. "Com ele podemos transmitir confiança ao eleitor e assim a população pode avaliar e investigar os candidatos", analisou Jordy.

Já a candidata Marinor Brito diz que sua participação foi positiva. "Nós tivemos a oportunidade de mostrar que a nossa proposta é a única que vai fazer diferença em Belém. Nos possibilitou revelar que somos diferentes de todos que já governaram a cidade", avalia Brito.

O candidato Duciomar Costa falou da importância do debate. "A partir dele o eleitor pode ter definição das propostas e avaliar melhor os candidatos", comenta Costa.

O representante do PMDB na disputa pela prefeitura, José Priante, falou das diferença entre debate e propaganda eleitoral. "Ele foge das amarras das propostas eleitorais. Nele as pessoas percebem as fraquezas dos candidatos", analisa.

Mário Cardoso acredita que com o encontro de hoje as propostas do PT ficaram claras para a população. "Conseguimos mostrar que somos a solução para Belém, já que formaríamos três governos da mesma concepção política e partidária e partiríamos de três orçamentos de mesmo partido", concluiu.

A candidata do DEM, Valéria Franco, também avaliou o primeiro debate na TV. "Ficou claro que tenho capacidade para administrar essa cidade, porque estudei e me preparei para isso", avaliou.

João Moraes agradeceu a oportunidade de participar do debate. "Agradeço a Deus e à emissora por poder mostrar nossas propostas para o eleitor conhecer o nosso trabalho".


Especial para Terra