Piauí

Sábado, 6 de setembro de 2008, 17h11 Atualizada às 09h25

PI: juiz proíbe prefeitura de distribuir material

  • Notícias

Carlos Rocha
Direto de Teresina

O juiz da 1ª Zona Eleitoral de Teresina, Teófilo Rodrigues, proibiu a prefeitura da cidade de distribuir materiais de construção. A campanha do candidato Nazareno Fonteles (PT) entrou com uma liminar na Justiça sob o argumento de que a administração municipal estaria doando o material para moradores da vila São Joaquim, na zona norte. O atual prefeito e candidato à reeleição, Sílvio Mendes (PSDB), ainda deve apresentar defesa.

» TRE-PI aceita candidatura de Lourdes Melo

"Vamos notificar o prefeito, o vice e a coligação que poderão apresentar defesa. Por isso não temos um prazo, já que podem ser ordenadas diligências", explicou Rodrigues.

A advogada do prefeito, Geórgia Nunes, disse que as denúncias são infundadas. "Já fomos notificados e, de acordo com a análise dos autos, a coligação de Nazareno não apresentou indício, por menor que seja, da participação de qualquer agente público e muito menos que estivesse havendo pedido de votos em troca de material de construção", enfatizou.

Na ação consta que 100 pessoas foram beneficiadas. O programa eleitoral do petista chegou a mostrar as imagens da entrega, mas o juiz da 63ª Zona Eleitoral, Pedro de Alcântara Macedo, vetou a exibição. A coligação de Mendes argumentou que há uma espécie de 'plano B' da campanha de Fonteles para vencer o pleito através de representações na Justiça.


Especial para Terra