inclusão de arquivo javascript

Você Sabia?

 
 

A orelha fica vermelha quando estão falando de você?

Você já deve ter escutado alguém dizer "minha orelha está vermelha, estão falando de mim". Também há quem diga que se a orelha em questão é a direita, estão falando bem, se é a esquerda, estão falando mal. Mas, afinal, por que ficamos com a orelha vermelha? É por estarem mesmo falando a nosso respeito?

» Cães pegos pela carrocinha viram sabão?
» Cabelo e unhas crescem após a morte?
» Os olhos podem ter cores diferentes?
» A barriga ronca devido a fome?

A dermatologista Sueli Coelho afirma que essa história não passa de um mito. Para a médica, subchefe do Serviço de Dermatologia do Hospital Universitário Clementino Fraga, ligado à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a vermelhidão nas orelhas é comum e ocorre por causa de uma dilatação natural dos vasos sanguíneos, permitindo a maior passagem de sangue - daí a cor avermelhada e a sensação de "calor".

Segundo ela, na maioria das vezes, "o processo está ligado ao sistema nervoso do ser humano, surgindo na hora em que a pessoa se sente momentaneamente pressionada, preocupada, angustiada ou quando ela se julga criticada ou avaliada negativamente por alguém".

Sendo um processo ligado ao corpo de cada um, a dermatologista analisa com ironia a tal lenda associada às fofocas. "Se fosse por isso, pode-se dizer então que uma pessoa estaria falando mal dela mesma já que, em muitas situações, o próprio indivíduo se coloca sozinho na situação de pressão, provocando o enchimento dos vasos", afirmou.

"A vasodilatação deixa eventualmente a orelha vermelha, o que pode ocasionar uma desagradável sensação de queimação. As causas podem ser psicológicas, mas também fisiológicas, como alguma descarga inexplicada gerada por um mecanismo interno do organismo", explicou. O uso de determinados tipos de medicamentos também pode estar envolvido.

Sueli Coelho destaca que não há a possibilidade de algum vaso sangüíneo estourar, criando danos à saúde. "Mesmo que a pessoa sinta uma sensação desagradável de queimação na orelha, a parede dos vasos sanguíneos é dinâmica e pode se dilatar e retornar ao tamanho natural por causa de mecanismos de controle. Após alguns segundos ou minutos, tudo volta ao normal", completou.

Esta dúvida foi enviada pela internauta Rebeca Pitanga. Você tem perguntas sobre algo curioso ou inusitado? Então participe do Você Sabia?. Clique aqui e envie já a sua pergunta.

Redação Terra