Você Sabia?

publicidade
31 de outubro de 2010 • 16h30

Fazer exercícios com muita roupa ajuda a emagrecer?

Não é recomendado o uso de roupas pesadas para a prática de exercícios - no frio, uma roupa térmica é explicável. Podem causar desidratação e hipertermia, por exemplo
Foto: Getty Images

Todos sabem que exercícios físicos são fundamentais na luta contra as gordurinhas extras. Mesmo quem leva a vida de forma sedentária sabe que até um simples exercício leve, como uma caminhada, já colabora nesta luta. Porém, há quem busque maneiras mais pesadas para queimar calorias rapidamente. Muitos dizem que praticar exercícios utilizando muita roupa faz com que a perda de peso seja acelerada. Será verdade?

"Não, esse tipo de estratégia deve ser evitada", diz Marcelo Saldanha Aoki, professor do Curso de Ciências da Atividade Física da Universidade de São Paulo (USP). "O excesso de roupa pode acelerar o processo de elevação da temperatura corporal e, consequentemente, provocar a desidratação", explica o professor.

Como o excesso de roupas pode maximizar o aumento da temperatura, além da desidratação, as consequências podem ser a hipertermia e também a redução do desempenho físico - quando o corpo ultrapassa a temperatura de 40°C.A roupa ideal para a realização de qualquer exercício físico depende do tipo de atividade. "Em dias quentes, deve-se evitar os horários de pico do sol e usar roupas leves", fala Saldanha. Mas, no frio, é aceitável o uso de roupas um pouco mais pesadas, como um casaco - ou térmicas.

O professor, então, explica qual seria a maneira ideal de entrar em forma: "a melhor maneira de emagrecer, então, é reduzir a ingestão de alimentos e aumentar o gasto de energia por meio do exercício físico. Claro que essas condutas devem ser acompanhadas por um profissional da saúde", diz Saldanha. "Se o consumo de alimentos ultrapassa o gasto energético, a energia é estocada, principalmente, em forma de gordura", completa o professor.

Redação Terra